Busca

                
 
 
A UCP realizou o II Encontro de Intercambistas nesta quarta-feira, dia 10 de agosto, reunindo os estudantes que retornaram ao Brasil e os que viajarão a partir de setembro, para troca de experiências e orientações.
 
A advogada e mestranda em Direito, Mônica Baptista Faria, irá para a Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa cursar disciplinas que complementem seus conhecimentos em Direitos Humanos e finalizar a dissertação. Além disso, apresentará trabalho acadêmico na Conferência promovida pela Associação Internacional de Juristas Democratas (AIJD) e pela Associação Portuguesa de Juristas Democratas em novembro deste ano. "A Faculdade de Direito de Lisboa possui um centro de estudos luso-brasileiro. Quando entrei para o mestrado, buscava mais embasamento teórico para a minha prática. Lá complementarei minha formação com Ciência Política, para consolidar minha dissertação."
 
Gabriela Marques está no 10º período de Direito e vai para a Universidade de Lisboa. A estudante já se organizou e tem objetivo claro para aproveitar ao máximo a experiência: "A minha monografia é sobre Direito Internacional e lá há possibilidade de acesso a casos da área de meu trabalho, que envolve também os Direitos Humanos."
 
Fabiana Guimarães, aluna do 8º período de Arquitetura, retornou da Universidade de Lisboa. "Foi uma experiência gratificante; a maneira de ensino é diferente. Aqui tem muita preocupação com a técnica e lá é mais conceitual, com a beleza: foi um desafio para mim, uma experiência muito enriquecedora! A cultura é muito parecida, os portugueses são muito receptivos. Se você for aberto a fazer amizades, será muito bem recebido pelos portugueses. Os professores são muito solícitos com os alunos intercambistas. Lisboa é um lugar que tem tudo a oferecer e vale muito a pena."
 
Murilo Raposo retornou após dois anos de estudos na Universidade de Petróleo da China, pelo Programa Ciência sem Fronteiras. O primeiro ano foi de aprendizado do mandarim e o segundo ano, especificamente, de disciplinas do curso de Engenharia de Petróleo. Destacou o aprendizado da língua como o grande diferencial para a carreira: "Eu recomendo muito uma experiência de intercâmbio, pela bagagem do idioma e pelo crescimento pessoal. Sair do país te faz tomar mais iniciativas, lidar com dificuldades. Eu me tornei mais extrovertido com essa experiência."
 
No total retornaram da experiência de intercâmbio, pela UCP, 8 estudantes dos cursos de Engenharias Civil, Petróleo e Mecânica, Administração, Arquitetura, Direito e mestrado em Educação. Dois estudantes - de Administração e Engenharia Civil - estenderam por mais seis meses o intercâmbio e 9 estudantes dos cursos de Administração, Direito, Engenharias, Arquitetura e mestrado em Direito estão embarcando para Portugal, Chile e Peru. Além disso, a UCP tem intensificado o Programa de Intercâmbio no sentido de receber alunos do exterior. Neste semestre, recebemos dois alunos no Peru para o Curso de Engenharia de Produção.
  
  
A Universidade Católica de Petrópolis possui o NIICC - Núcleo Internacional de Intercâmbio e Cooperação Científica, que oferece apoio e orientações durante todo o processo de intercâmbio. A Instituição possui convênio com diversas universidades no Chile, Peru, Colômbia, Portugal e Espanha. Saiba mais aqui, pelo telefone 24 2244-4089 ou pelo e-mail intercambio@ucp.br
Rua Benjamin Constant, 213 
Centro - Petrópolis/RJ
24 2244-4000