Busca

                
 
 
Na última segunda-feira, dia 15 de maio, no Campus BA, o Ramo Estudantil do IEEE e a UCP promoveram o III Campeonato de Pontes de Macarrão.
 
A proposta do evento é promover o trabalho em grupo, noções de liderança, gestão de tempo e recursos, e aplicação na prática de conceitos lecionados na Engenharia, principalmente Civil e Mecânica. É uma atividade extracurricular que cativa muitos alunos e sempre tem uma expectativa grande por parte de todos, por ser o maior evento realizado na Engenharia.

Construção das Pontes no sábado, dia 13 de maio.

“O Campeonato de Pontes de Macarrão é um dos desafios mais comentados nos corredores do CEC, já faz parte do calendário de eventos e empolga alunos e ex-alunos que vem prestigiar as atividades organizadas pelo Ramo do IEEE da UCP. O desafio de construir pontes feitas com macarrão, cola e massa epóxi leva os alunos a usar técnicas de construção e cálculos aprendidos nas disciplinas de engenharia, testando não somente os conhecimentos adquiridos, mas também a criatividade em propor soluções para um problema de engenharia. O desafio inicia com a construção da ponte e termina 2 dias depois com o teste de resistência das pontes, acrescentando pesos até que a ponte quebre. Ganha o campeonato a equipe que fizer uma ponte que resista à maior quantidade de peso, e que respeite às regras de construção.” – Explicou o Diretor do Centro de Engenharia e Computação da UCP, professor Fábio Licht.

O Campeonato deste ano contou com 120 inscritos, divididos em 20 equipes, e centenas de expectadores pelo Campus.
 

 

Medição das pontes dia 15 de maio no Campus BA.


A Equipe Alpha foi campeã pela terceira vez consecutiva, suportou 16 kg, 23 kg e 24,750 kg, respectivamente.

Assim como no ano passado, o patrocínio foi da empresa Barilla, marca italiana de massas, para os macarrões utilizados na construção e mais 30 kg para doações às instituições. Além disso, ocorreu uma campanha de doação com os integrantes do campeonato e foi arrecadado mais 25 kg de macarrões. 
  
“Nosso intuito é dar parte para a Pastoral e fazermos nossa própria ação beneficente do ramo IEEE. Quero também doar para famílias residentes na comunidade onde fui criado, Bairro da Glória, em Correas.” – Disse o estudante e presidente do IEEE, João Victor Machado Danelon de Almeida. 
Rua Benjamin Constant, 213 
Centro - Petrópolis/RJ
24 2244-4000